Coronavírus
O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu afirmou que não vai hesitar em adotar medidas ainda mais rigorosas caso não se verifique a contenção da doença.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
benjamin-nethanyahu-eleic3a7c3b5es-israel
Primeiro-ministro Benjamin Netanyahu | Lior Mizrahi - 2012 Getty Images

Israel registrou 5.328 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas. O país iniciou um segundo lockdown nesta sexta-feira (18) para tentar conter o avanço da pandemia. O novo confinamento começou às 14h de hoje e se extenderá pelo período de três semanas.

Nenhuma morte foi registrada no Ministério da Saúde. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu afirmou que não vai hesitar em adotar medidas ainda mais rigorosas caso não se verifique a contenção da doença.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas