Siga o DCO nas redes sociais

Estado criminoso
Israel bombardeia aeroporto e viola novamente a soberania da Síria
São frequentes os ataques militares israelenses contra território sírio, incluindo bombardeios a cidades e aldeias que matam dezenas de civis
3c405a9e-5e97-4293-9a90-2e80187188d2 (1)
Estado criminoso
Israel bombardeia aeroporto e viola novamente a soberania da Síria
São frequentes os ataques militares israelenses contra território sírio, incluindo bombardeios a cidades e aldeias que matam dezenas de civis
Defesa antiaérea síria conseguiu repelir a maior dos mísseis. Foto: Reprodução/al-Mayadeen
3c405a9e-5e97-4293-9a90-2e80187188d2 (1)
Defesa antiaérea síria conseguiu repelir a maior dos mísseis. Foto: Reprodução/al-Mayadeen

Da redação – Aeronaves de Israel bombardearam, na noite de ontem (14), um aeroporto militar na província de Homs, região central da Síria.

Segundo o portal libanês al-Mayadeen, citando fontes militares sírias, “aeronaves israelenses levaram a cabo uma nova agressão aérea contra o aeroporto T-4, a partir da região de Tanef”.

Pelo menos quatro mísseis atingiram a área do aeroporto, mas não causaram vítimas.

“Imediatamente, os meios de defesa antiaérea bloquearam os mísseis hostis e vários deles foram derrubados”, informaram as fontes.

São frequentes os ataques militares israelenses contra território sírio, incluindo bombardeios a cidades e aldeias que matam dezenas de civis. Até mesmo a capital, Damasco, já sofreu com os ataques do Estado sionista.

A desculpa para os bombardeios por parte de Tel Aviv é que buscam atingir alvos supostamente terroristas, mas na realidade trata-se de uma violação sistemática e criminosa da soberania nacional do país árabe.

No entanto, esses ataques nunca são repudiados pela Organização das Nações Unidas (ONU), uma vez que o órgão é controlado pelas potências imperialistas, que apoiam a ditadura israelense.