Irã responde: “Israel é o único país de nossa região que possui um programa nuclear secreto”

israel

Da redação – Nesta quinta feira, dia 27 de setembro, o Ministro de Relações Exteriores do Irã, Mohamad Yavad Zarif, deu uma declaração na qual responde as acusações feitas por Israel a respeito do programa nuclear iraniano. Também na quinta feira o Primeiro Ministro israelense, Benjamin Natanyahu, havia feito acusações de que o Irã teria um estoque secreto contendo toneladas de armamentos e materiais nucleares durante seu discurso na tribuna da Organização das Nações Unidas (ONU), e utilizou como principal argumento uma foto de um portão que seria da suposta instalação.

Em resposta a acusação farsesca do Primeiro Ministro Israelense, Mohamad Yavad declarou que “Israel é o único regime na nossa região que conta com um programa secreto e não declarado de armas nucleares”. Vale ressaltar que existem dezenas de denuncias de inúmeros organismos internacionais que apontam Israel como detentor de um programa nuclear secreto que seria inclusive apoiado pelo imperialismo norte-americano.

Israel se tornou, ao longo de sua história, um dos braços mais importantes do imperialismo norte americano no Oriente Médio, e leva adiante uma política de guerra contra os diversos povos árabes com a intenção de assegurar os interesses do capitalismo internacional. Em contrapartida, o Irã atua como um dos principais eixos de resistência ao imperialismo na região, inclusive organizando e financiando diversos grupos que lutam contra as invasões norte americanas em vários países da região. As denuncias que Israel faz contra o Irã não passam de pura hipocrisia e tem uma única intensão: justificar ataques contra o país em nome dos interesses do imperialismo.

Ao contrário do que se costuma dizer, o desenvolvimento de um programa nuclear pelos países atrasados não é algo condenável, muito pelo contrário, tendo em vista a opressão que estes países sofrem do imperialismo eles buscam formas de se defender através do desenvolvimento de armamentos cada vez mais sofisticados que possam, mesmo que minimamente, equipar seu poder militar ao do imperialismo. O próprio imperialismo, que faz uma enorme campanha contra as armas nucleares, é possuidor de imensos estoques desse tipo de armamento, isso sem falar do fato de que, em toda a história da humanidade, apenas os Estados Unidos lançaram bombas nucleares contra população humana.

O imperialismo tenta intimidar os países atrasados e proibir o seu livre desenvolvimento, isso deve ser denunciado e combatido e cabe a esquerda dar apoio aos governos nacionais contra a intervenção do imperialismo.