“Acusações infundadas”
Ministro das Relações Exteriores iraniano, Mohamad Javad Zarif, rejeitou as acusações norte americanas de que o Irã é um dos países que apoiam o terrorismo global
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
irã-bandeira-reuters
Bandeira Iraniana | Foto: Reprodução

Telesur – Nesta terça-feira (12) o ministro das Relações Exteriores iraniano, Mohamad Javad Zarif, acusou o secretário de Estado dos EUA Mike Pompeo de inventar laços fictícios entre Teerã e a Al Qaeda, como justificativa para sua política em relação ao país persa.

Em resposta, o ministro das Relações Exteriores iraniano lembrou que “os terroristas do 11 de setembro vieram dos países favoritos de Pompeo no Oriente Médio e nenhum do Irã” e disse que o secretário dos EUA “está terminando pateticamente sua carreira desastrosa com mais mentiras belicistas”.

Javad Zarif apoiou suas observações com a ideia de que “Da designação de Cuba às ‘desclassificações’ fictícias sobre o Irã e as reivindicações da Al Qaeda, Sr. ‘mentimos, enganamos, roubamos'”, referindo-se a uma famosa confissão de Pompeo sobre Incursões dos EUA na região.

Da mesma forma, Theran condenou a decisão de Washington de incluir Cuba na lista de países que apóiam o terrorismo, segundo um porta-voz do Itamaraty: “As declarações de que Cuba teria cooperado com a Venezuela no terrorismo, assim como outras acusações dos americanos são infundadas e derivam de um hábito horrível de fazer falsas acusações contra seus oponentes. “

O porta-voz do ministério iraniano ressaltou que seu país apoia totalmente Cuba e busca fortalecer as relações bilaterais.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas