Indígenas ocupam sede Sesai e pedem saída de secretária indígena

indigenas ocupam sesai

Nesta noite, cerca de 115 indígenas ocupam a sede da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) em Brasília e pedem a saída da secretária de saúde indígena, a militar bolsonarista e indígena, Silvia Waiãpi.

Os indígenas chegaram para se reunir com a secretária, mas foram ignorados e estão sem nenhuma condição na Sesai, passando fome e frio. Mas mesmo assim estão resistindo.

Os indígenas de todo o país estão reivindicando o restabelecimento da autonomia de gestão, normalização dos repasses de recursos mensais, renovação de contratos emergenciais de transporte, fim da perseguição a lideranças indígenas, transparência no orçamento, retorno da participação social e a reativação dos conselhos que foram extintos arbitrariamente.

Apesar de pedir a saída da indígena bolsonarista da Sesai é preciso derrubar o governo Bolsonaro para derrotar essas medidas. Não é suficiente a troca de ministro, pois a política será a mesma.

É preciso um grande movimento para derrubar Bolsonaro e continuar a onda de ocupações de prédios públicos, retomadas e fechamento de rodovias.

 

Veja vídeo dos indígenas pedindo a saída da secretária: