Preparação para um novo golpe
Coluna publicada no Blog de Lauro Jardim relata uma conspiração dentro do PT para impedir que Lula lance sua candidatura à presidência em 2022
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Rio de Janeiro - O ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, participa da reunião do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), no Windsor Guanabara Hotel. (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)
Jaques Wagner, do PT da Bahia, é um dos que conspiram pela aposentadoria de Lula | Foto: EBC-EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO/Agência Brasil

Recentemente, no blog de Lauro Jardim, dentro do site d’O Globo, foi publicada uma coluna escrita por Amanda Almeida, com o título “A ideia dos caciques do PT para não serem reféns de Lula em 2022”. Na coluna, é relatado o fato de que há uma suposta “inquietação” dentro da direção do PT por conta do fato de Lula querer se lançar candidato à presidência em 2022.

A coluna relata um suposto plano da direção do PT de elaborar uma lista com outros interessados em lançar suas candidaturas para, posteriormente, saírem em campanha pelo país, nos moldes das primárias americanas. A única condição para a participação nisso seria que se o STF concedesse os direitos políticos a Lula, todos deveriam concordar em dar prioridade à sua candidatura.

Com relação às informações presentes na coluna é possível observar dois fatos: o primeiro seria que a ala direita do PT mantém vínculos com a imprensa golpista e vaza informações internas do partido para ela. Outro fato que fica aparente é que a imprensa golpista, quando não consegue as informações que precisa de dentro do PT, simplesmente inventa fatos como se essa posição anti-Lula correspondesse à política de alguma ala do partido para causar intriga dentro do partido. Nesse momento, a intriga surge para combater uma campanha da ala lulista, e também do PCO, que apoiam a candidatura de Lula à presidência.

É importante, primeiro, compreender que toda a política da ala direita do PT é com a intenção de chegar a um entendimento com os golpistas. No entanto, é impossível chegar a um acordo lançando Lula como candidato, visto que, por conta de seu apoio dentro da classe operária, ele é uma figura totalmente inaceitável para os golpistas.

Outra questão importante é que, sendo verdadeiro ou não o que é dito na coluna, ela indica que existe uma tendência dentro da imprensa capitalista de conjunto para procurar impulsionar uma rejeição dentro da esquerda à candidatura de Lula. Os argumentos que se vê até em declarações de figuras do próprio PT, como Jaques Wagner ou Alberto Cantalice, são de que Lula precisaria se aposentar ou de que ele não deve insistir em sua candidatura, já que ela está impedida pelo regime golpista. Esse posicionamento é muito semelhante ao que se viu durante as eleições de 2020, em que a imprensa procurou boicotar todas as campanhas do PT, sob a falsa justificativa de que se deveria apoiar “novas” lideranças na esquerda.

É preciso se posicionar totalmente contra essas colocações absurdas. É muito estranho ver políticos do próprio PT exigindo uma aposentadoria de Lula, considerando a sua importância para o partido e que, se não fosse por ele, nenhuma dessas pessoas jamais teria tido um voto sequer para chegar em seus cargos. É no mínimo obsceno ver essas pessoas posando ao lado de Lula em fotos que são veiculadas durante as eleições para, posteriormente ficarem fazendo campanha contra ele. Além disso, se o regime golpista roubou os direitos políticos de Lula, o que se deve exigir do PT é uma campanha para que esses direitos sejam devolvidos.

Já está evidente para todas as pessoas que os processos que serviram de base para a prisão de Lula e a retirada de seus direitos políticos são totalmente farsescos. Toda a armação golpista da Lava Jato já foi amplamente revelada em diversos momentos diferentes e não faz o menor sentido que aliados de Lula não façam uma ampla defesa de seu direito de se candidatar. Além disso, mesmo que Lula estivesse de fato respondendo a um processo, seja ele qual fosse, o impedimento de sua candidatura seria anti-democrático. A chamada “Lei da ficha limpa”, que foi usada para impedi-lo de sair candidato em 2018, é totalmente ilegal e um atentado contra os direitos democráticos da população. Quem deve escolher os candidatos é o povo e não o Judiciário.

Isso sem falar do fato de que O Globo e os outros órgãos da imprensa capitalista são todos apoiadores do golpe de estado de 2016. Apesar de, vez ou outra, se travestirem de “democráticos”, eles nunca têm em mente o interesse da população. Sua defesa é sempre a dos interesses da burguesia golpista, que pretende consolidar uma ditadura contra a população, lançando algum candidato que se adeque mais aos seus interesses, como João Doria ou Luciano Huck. O medo que eles têm de Lula é justamente porque ele poderia vencer qualquer candidato da burguesia nas eleições.

Nesse sentido, o Partido da Causa Operária se coloca totalmente contra essa campanha golpista da imprensa capitalista e chama todos os setores democráticos da população a apoiarem a campanha por Lula presidente em 2022. Não se deve confiar, nem por um momento, no STF e nas instituições golpistas, que não têm nenhuma intenção de conceder os direitos políticos de Lula de volta. Para que seja possível essa candidatura, deve-se fazer uma ampla campanha dentro da classe operária. É importante deixar claro que Lula é o candidato mais popular do país e o impedimento de sua candidatura é outro golpe de estado. A defesa de sua candidatura não é a defesa da política do PT e nem nada do tipo, mas é uma defesa do direito democrático da população de poder votar no candidato que bem entender.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas