Imperialismo norte-americano aumenta repressão contra imigrantes: 800 soldados na fronteira com México

President Trump Meets With Steel And Aluminum Manufacturing Industry Leaders Announcing New Tariffs

O secretário de defesa norte-americano, Jim Mattis, deverá anunciar nesta sexta-feira (26/10) que 800 soldados do exército serão enviados para fronteira dos Estados-Unidos com o México. A fronteira já se encontra com 2 mil membros da Guarda Nacional.

O motivo é a caravana de milhares de imigrantes chegando de Honduras, Guatemala e El Salvador, fugindo das péssimas condições de vida criadas pelo próprio imperialismo com golpes e políticas de destruição das condições de vida.

Essa é a política do imperialismo. Da mesma forma como os Europeus fazem na Síria, destroem toda infra-estrutura e depois reprimem os habitantes que saem do país para buscar melhores condições de vida. São assediados pela polícia e pelas Forças Armadas, ainda mais. Isso é a “democracia” norte-americana.