IFRS: ex-aluna ganha 1º lugar na maior feira mundial de ciências
Juliana
IFRS: ex-aluna ganha 1º lugar na maior feira mundial de ciências
Juliana

Em mais um exemplo da boa qualidade do Sistema Público Federal de Ensino, a  aluna Juliana Estradioto, egressa do Campos Osório do IFRS (Instituto Federal do Rio Grande do Sul), conquistou o primeiro lugar em ciência dos materiais na maior feira de ciências do mundo.

A jovem desenvolveu uma pesquisa utilizando a casca da Macadâmia para produzir a membrana que substitui material sintético em embalagens ou curativos.

Os Institutos Federais são instituições de ensino, pesquisa e extensão criados no governo Lula. São hoje referência em ensino público e pesquisa de alta qualidade.

Apesar disso, o governo Bolsonaro recentemente cortou 30% do orçamento dos institutos e universidades federais, colocando em xeque o seu funcionamento. Ao sucatear a educação pública o governo mostra a sua intenção de substituí-la pelo ensino privado. Porém, o ensino privado não tem contribuído de forma significativa para a qualidade do ensino e a pesquisa no Brasil.

Além disso, o ensino público de boa qualidade, ao contrário do privado, é gratuito, abrindo oportunidades para estudantes de todas as classes sociais.

É necessário que toda a população se junte às manifestações dos estudantes e professores em todo o país contra os cortes na educação, e exigir a saída do governo Ilegítimo.

A tarefa do momento para barrar toda a ofensiva contra a educação, à saúde, à previdência é o Fora Bolsonaro com eleições gerais, liberdade para Lula e Lula candidato.