Política genocida
Restaurantes comunitários e unidades de assistência sociais terão atendimento presencial em Brasília
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
ibaneis
Ibaneis Rocha, governador golpista do DF | Reprodução

Nesta terça-feira (22), o governo do Distrito Federal de Ibaneis Rocha anunciou a abertura de 14 restaurantes comunitários para consumo no local em Brasília. Também abertura de 71 unidades de assistência sociais (CREAS/CRAS) para atendimento presencial.

As medidas são colocadas em prática quando as mortes por COVID-19 voltam a subir, nos últimos dias foram registrados cerca de 1.000 óbitos em 24 horas. Essas medidas colocam em risco principalmente os mais pobres, as principais vítimas da política genocida.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas