Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
joyce
|

A direita golpista tem enorme facilidade para realizar suas campanhas nas eleições: os empresários investem aos montes, a imprensa burguesa dá todo o apoio e o Judiciário acoberta todas as falcatruas. Mesmo assim, nem tudo são flores: a polarização política no país, evidenciada na candidatura de Lula, tem feito vários setores da burguesia perderem a cabeça.

Nessa semana, o partido de Jair Bolsonaro – o PSL – protagonizou mais um “bate-cabeça” entre seus elementos. A fascista Joice Hasselman, que é uma espécie de cabo eleitoral da família Bolsonaro na imprensa, afirmou que sua candidatura seria uma das duas únicas referendadas pelo seu guru. Imediatamente, vários candidatos a deputado pelo PSL se manifestaram contra a declaração de Hasselman, acusando a pseudo-jornalista de mentir em favor próprio.

A principal expressão da crise que sr abriu no PSL após a declaração de Hasselman foi a reação de Alexandre Frota, que chamou a candidata de “biscate” e disse que ela “não valia nada”.

Frota e Hasselman foram elementos de enorme valor para a burguesia na época em que foi tramado o golpe de 2016. Junto com setores da imprensa como Marco Antônio Villa e Augusto Nunes, ambos realizaram uma campanha intensa contra a presidenta Dilma Rousseff.

O fato de Frota e Hasselman estarem “trocando farpas” mostra o quanto a direita é impopular e a crise em que se encontra o governo golpista. O alto grau de incerteza em a que a situação política está submetida tem levado aos golpistas a mostrar suas contradições a público.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas