Guerra de juízes: desembargador atropela Moro e mantém ordem para soltar Lula
Rogério-Favreto
Guerra de juízes: desembargador atropela Moro e mantém ordem para soltar Lula
Rogério-Favreto

O Desembargador do TRF-4 mantém a ordem de soltura do presidente Lula. O Juiz Sérgio Moro, da 1ª instância, havia desobedecido a ordem da 2ª instância e mantido Lula preso.

Eles diz:

“Considerando os termos da decisão proferida em regime de plantão e que envolve o direito de liberdade do Paciente, bem como já foi determinado o cumprimento em regime de URGÊNCIA por “qualquer autoridade policial presente na sede da carceragem da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba”, reitero a ordem exarada e determino o IMEDIATO cumprimento da decisão, nos termos da mesma e competente Alvará de Soltura expedido (Evento 6), ambos de posse e conhecimento da autoridade policial, desde o início da manhã do presente dia”

O desembargador ainda ameaça Moro e outros golpistas de plantão que querem descumprir a medida:

“Pelo exposto, determino o IMEDIATO cumprimento da medida judicial de soltura do Paciente, sob pena de responsabilização por descumprimento de ordem judicial, nos termos da legislação incidente”

Hoje o desembargador Rogério Favreto decidiu pela libertação, logo em seguida, Moro, numa tentativa de ganhar tempo se recusou a cumprir ordem da 2ª instância.