Ataque a educação
Governo quer repartir dinheiro do Fundeb para destina-los a creches privadas.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Foto: Marcos Corrêa/PR
Bolsonaro e Ministro da Secretaria de Governo Luiz Eduardo Ramos | Foto: Marcos Corrêa/PR

O Ministro da Economia Paulo Guedes quer parte do dinheiro do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), R$ 6 bilhões, para financiar escolas privadas.

Ministério da Economia pretende criar um voucher de R$ 250 que seria o Renda Brasil – programa ainda inexistente – para colocar os filhos em creches particulares. Pelos planos do governo um quarto do valor do Fundeb seria destinado “voucher-creche”.

A mando de Bolsonaro, o ministro da Secretaria de Governo Luiz Eduardo Ramos tenta promover a mudança no Fundeb. Devido a proposta do Ministério da Economia a votação de hoje (20) foi adiada para a terça-feira (21) na Câmara dos Deputados, conforme anunciou o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Relacionadas