Fascismo carioca
Segundo a Guarda, foi um caso isolado, mas os moradores de rua sabem bem qual é a política da direita carioca: o racismo e a opressão contra os mais vulneráveis.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
guarda-18340084
Multa aplicada | Foto: Projeto Ruas

No Rio de Janeiro, a Guarda Municipal foi denunciada pelo Projeto Ruas e Mídia Ninja, após aplicar multas de R$ 107 a pessoas em situação de rua por não usarem máscara durante a pandemia.

O MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) e a Defensoria Pública acionaram a Prefeitura para que explique os motivos da punição, embora a distribuição de máscaras e kits de higiene sejam de responsabilidade da gestão municipal.

O episódio se deu durante uma ação em Copacabana, em 7 de junho, contra moradores em situação de rua que relataram que estavam sendo multados e chegaram a apresentar o Termo de Constatação de Infração Sanitária (TCIS), segundo Rafael Costa, um dos gestores do projeto Ruas, que denunciou a Guarda Municipal à Defensoria Pública.

Nas multas, constam até os nomes e matrículas dos agentes. A Guarda Municipal respondeu ao Ministério Público que o caso em Copacabana foi isolado – como sempre – e que o cidadão abordado não havia se apresentado como pessoa em situação de rua. O órgão ainda informou que não há qualquer orientação nesse sentido e atua diariamente em apoio às ações de acolhimento de pessoas em situação de rua realizadas pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos.

Porém, os moradores de rua sabem bem qual é a política da Guarda: agredir de forma racista os moradores de rua à mando dos fascistas no governo.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas