Venezuela
O golpista Juan Guaidó será intimado a responder por crimes de magnicídio e golpe de estado na Venezuela por armar o assassinato de Nicolás Maduro
Venezuela, Juan Guaidó
Imagem: Stringer |

Juan Guaidó, o golpista que se autointitulou presidente da Venezuela, será finalmente investigado por seus crimes. Em nota, o Ministério Público da Venezuela intimou o golpista para que compareça na próxima quinta-feira para prestar depoimento.

As acusações vêm depois que o ex-major-general da Força Armada Nacional Bolivariana, Cliver Alcalá Cordones, publicou uma série de vídeos nos quais admite ter tramado o assassinato de Nicolás Maduro e subsequente golpe de estado junto dos Estados Unidos e de Juan Guaidó, que teria assinado um acordo de compras de armas para a realização do crime.

 

Relacionadas