Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
captura-de-tela-2018-06-12-axxs-21.29.00
|

Nesta semana foi noticiado o fato de que um consultor do papa Francisco, Juan Grabois, tentou visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para lhe entregar um rosário abençoado pelo próprio líder religioso, mas foi barrado. A notícia, obviamente, só foi repercutida entre veículos da imprensa alternativa, como Brasil 247, DCM e Fórum, já que para a imprensa burguesa, só interessam matérias que detonem a imagem do ex-presidente.

Logo após o fato, um veículo que se diz especializado na “checagem de fatos”, a Agência Lupa, de propriedade da Folha de S. Paulo e do UOL, acusou os sites de propagarem “fake news”, dizendo que a notícia seria falsa e teria sido inclusive desmentida pelo Vatican News, veículo oficial do Vaticano.

Após a polêmica se estabelecer, e a difamação dirigida à imprensa independente e de esquerda ter sido propagada largamente pelas redes sociais, descobriu-se que, na verdade, a notícia era real, e a agência especializada em “checagem de fatos” cometeu um grave erro. Isso se foi um erro mesmo, pois diante do controle de veículos golpistas, é de se suspeitar que o factóide foi usado para justamente atacar os veículos da mídia alternativa, que são os únicos, coincidentemente, que ainda defendem Lula de sua prisão política e procuram dar uma visão popular e de esquerda para o noticiário.

Essa é mais uma prova do real significado da campanha “contra as fake news”, tanto impulsionada pela burguesia imperialista. Essa campanha visa difamar e desqualificar todo e qualquer veículo que não reproduza a visão “oficial” da burguesia sobre os fatos. Os grandes jornais do Brasil, por exemplo, desempenharam um papel vexatório durante o golpe de 2016, ao inventar tudo o que fosse possível para minar o governo de Dilma Rousseff, e mesmo assim não foram acusados de “fake news”.

A campanha descarada de censura tem que ser combatida e explicitada por todos aqueles que vêem na mídia alternativa e de esquerda um último raio de esperança, em um país completamente dominado por veículos de inclinação golpista, totalmente subservientes aos interesses estrangeiros.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas