Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
img-20180416-wa0004
|

Os eletricitários entraram em greve nessa segunda, 11 de junho. A greve dos trabalhadores da Eletrobrás é uma luta fundamental contra o processo de desmonte da empresa nacional, a que o governo golpista de Michel Temer quer entregar completamente para os grandes capitalistas internacionais.

A política de privatização da Eletrobrás, bem como da Petrobrás, é parte do golpe de estado, uma ofensiva do imperialismo contra a economia nacional, os sindicatos, partidos e movimentos de esquerda e suas principais lideranças políticas. Nesse sentido, a greve deve ter todo o apoio das demais categorias e suas organizações de luta.

A greve dos eletricitários também demonstra a necessidade da principal e maior organização de luta do País, a Central Única dos Trabalhadores, de convocar, de maneira imediata, uma greve geral. Nas últimas semanas vimos um aumento da mobilização em todo o território nacional com a greve dos caminhoneiros, a qual na prática levou a nocaute o governo golpista, bem como a greve dos petroleiros, um setor fundamental da economia brasileira. A mobilização dessas categorias, caminhoneiros, petroleiros e, agora, eletricitários, é um indício de um ascenso inicial da mobilização popular e da classe trabalhadora contra a política de terra arrasada e o próprio golpe de estado, que tende a se generalizar diante do agravamento da crise e da evolução política da situação.

Nesse sentido, reafirmamos a necessidade urgente da CUT convocar a greve geral e dar um direcionamento político a esse movimento da classe trabalhadora que começa a ganha força e se ampliar. A CUT pode cumprir um papel decisivo direcionando a greve, a mobilização dos trabalhadores, de maneira política, ou seja, colocando de maneira clara a necessidade de se derrotar o golpe de estado, o fim da perseguição política contra as organizações de esquerda, de conquistar a liberdade para o ex-presidente Lula e para todos os presos políticos do golpe.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas