Siga o DCO nas redes sociais

Governo golpista quer privatizar as universidades federais
mais-de-70-dos-alunos-das-universidades-federais-sc3a3o-de-baixa-renda-1
mais-de-70-dos-alunos-das-universidades-federais-sc3a3o-de-baixa-renda-1

O governo golpista de Jair Bolsonaro, tem como proposta cobrar mensalidades em universidades federais.

Mais um passo no sentido da privatização do ensino superior no Brasil.

Segundo os golpistas a cobrança seria facultativa, mas sabemos que na realidade todos terão que pagar no final. Outro argumento que a direita costuma levantar é que, de acordo com eles, a gratuidade nas universidades públicas seria uma grande injustiça. Afinal, muitas pessoas que teriam condições de pagar mensalidades em faculdades particulares ocupam vagas em universidades públicas.

Embora este argumento possa iludir os mais ingênuos, a verdade é que trata-se de uma porteira. Uma vez que se comece a cobrar mensalidade de alguns estudantes, rapidamente toda a boiada vai atravessar a porteira, e logo a cobrança de mensalidades se tornará a norma.

A cobrança de mensalidades e a privatização das universidades públicas é um plano antigo da direita e do imperialismo para o Brasil, e foi um dos poucos setores que sobreviveram à devastação provocada pelo governo de Fernando Henrique (PSDB). O governo fraudulento de Bolsonaro quer destruir completamente o ensino público brasileiro, feito este que nem FHC e Temer conseguiram realizar.

Contra a ofensiva golpista e fascista nas universidades públicas, é necessário organizar de maneira imediata os comitês de luta contra o golpe em todas as universidades do país e impulsionar a campanha pelo Fora Bolsonaro. É preciso que os comitês organizem também a autodefesa dos estudantes para responder à altura as provocações dos grupos fascistas.