Siga o DCO nas redes sociais

Governo golpista mente sobre situação da ECT para privatizar
Paulo guedes e bozo
Governo golpista mente sobre situação da ECT para privatizar
Paulo guedes e bozo

Em recente documento publicado pelo Ministério da Economia do governo golpista e fraudulento de Jair Bolsonaro, a ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos), maior empresa de Correios da América Latina aparece como sendo um dos piores negócios que o estado possui, um verdadeiro absurdo!

O documento, feito pelos golpistas que querem entregar todas as empresas estatais do país para os grandes capitalistas internacional, alega que os Correios dá prejuízo e que se não for vendida agora, o governo terá que gastar até 21 bilhões de reais para manter a estatal funcionando nos próximos anos. Cínicos que fraudam os resultados de uma empresa que dá dinheiro para o governo, e quando deu resultados negativos, foi obra de uma manipulação contábil, que não obrigou o governo colocar um centavo na administração da empresa.

A mentira dos golpistas não para por aí, dizendo que os Correios não consegue competir com seus concorrentes do mercado postal, e que os empresários consideram péssimo os serviços dos Correios, um mentira cabeluda, já que os grandes e pequenos concorrentes dos Correios, como DHL, FEDEX e outras empresas de logística usam os serviços dos correios para atender alguns de seus clientes.

Como é de praxe, os golpistas utilizaram o roubo do Postalis (Fundo de Pensão complementar dos trabalhadores dos Correios) realizado por um banco americano BNY Mellon, para justificar que a empresa tem mesmo que desaparecer.

E por fim, como o governo direitista dos golpistas, Jair Bolsonaro e Paulo Guedes não poderiam deixar passar, atacaram os trabalhadores da ECT, dizendo que a categoria ecetista, que recebe em média 2 mil reais de salários, faz muita greve, e por isso pretendem demitir mais 30 mil trabalhadores, enxugando ainda mais o quadro de funcionários, que já está trabalhando além do limite.

É por essas e outras afirmações mentirosas desse governo golpista que os trabalhadores dos Correios precisam se juntar a outras categorias que estão sendo atacadas, e exigir a retirada imediata desse governo do controle da ECT e do Brasil. É preciso uma campanha nacional pelo Fora Bolsonaro e todos os golpistas, com novas eleições gerais, com a liberdade de Lula, como única forma de se opor ao desastre que os fascistas pretendem fazer com as empresas, riquezas e a classe trabalhadora do Brasil.