Coronavírus e crise financeira
Mercado financeira precisa esperar os dados do desemprego chegarem para anunciar a crise
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
29496141543_cf2cc150aa_k
Trump se vê em uma grande crise política, econômica e social em seu último ano. Foto: Gage Skidmore |

Da redação – A administração do presidente dos EUA, Donald Trump, pediu aos estados do país para adiarem a publicação dos dados do desemprego até a próxima quinta-feira.

Segundo a CNN, citando o The New York Times, o Departamento do Trabalho enviou e-mail aos governos estaduais pedindo para eles somente “proverem informação geral para descrever níveis de reivindicações” como “muito alto” ou “grande aumento”, sem especificações.

Os dados divulgados esta semana mostram que mais de 200 mil trabalhadores pediram seguro-desemprego nos Estados Unidos, um aumento de 30% em relação à semana anterior.

Essa solicitação do governo norte-americano aos estados tem relação direta com o fato de o mercado financeiro ter anunciado que precisa esperar saíram os números do desemprego para saber quais serão as medidas tomadas. Esta semana, a Dow Jones, principal índice da Bolsa de Valores de Nova Iorque, teve uma queda de 17%.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas