Governo serviçal dos EUA
O Itamaraty bolsonarista de Ernesto Araújo segue as ordens de Mike Pompeo e cancela credenciais de funcionários de embaixadas e consulados da Venezuela no país.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Itamaraty - Ernesto Araujo
Itamaraty do Olavista, Ernesto Araújo, segue as ordens dos EUA e ataca diplomatas venezuelanos. | Foto por: reprodução.

O chanceler venezuelano, Jorge Arreaza, denunciou hoje a medida completamente antidemocrática e serviçal do governo Bolsonaro de cancelar as credenciais dos funcionários de embaixadas e consulados da Venezuela em solo brasileiro e seus veículos, praticamente seguindo as ordens do secretário de Estado norte americano, Mike Pompeo, que esteve hoje em Roraima, sob protesto da população local.

Arreaza, denunciou via twitter, o comunicado enviado pelo Itamaraty, ministério das relações exteriores brasileiro, informando a medida que aprofunda a crise diplomática no continente, criada pela política dos Estados Unidos em utilizar os governos da região, principalmente o brasileiro e o colombiano, para retirar ameaçar o povo venezuelano e seu governo, presidido por Nicolás Maduro.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas