Golpistas estão perdendo controle da inflação: índice oficial é o maior desde 1995

inflação serveimage

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) que é considerado a inflação oficial no país ficou em 1,26% no mês de junho contra 0,4% no mês de maio. O anúncio foi feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Essa taxa é a mais alta para o mês de junho registrada desde 1995. Assim a inflação acumulada no ano chega a 2,6% e a inflação dos últimos 12 meses atinge os 4,39%. Aumentos de preços na habitação, alimentação e transportes responderam juntos pela maior parte da inflação de junho.

A imprensa corporativa procura maliciosamente pôr em destaque a greve dos caminhoneiros entre as causas da disparada inflacionária. Sem desprezar a influência do movimento no aumento dos preços no mês de junho é preciso lembrar que o movimento foi deflagrado pela simples razão de que os caminhoneiros não mais estavam suportando os aumentos constantes do preço do óleo diesel.

A aceleração dos aumentos de preços pôde ser sentida após o início do processo golpista. Era facilmente verificável no dia a dia por quem frequenta o comércio contudo não apareciam nos índices oficiais de inflação. A exposição através dos números do IBGE daquilo que as pessoas já vinham registrando ao pagar suas despesas termina com o único dado de que o governo golpista dispunha para ser apresentado como positivo ainda que de maneira enganosa. A baixa inflação registrada até aqui era apenas o resultado de uma economia estagnada.