Golpe nas eleições: Lula não vai poder nem aparecer na TV

lula_censura

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidiu no último dia 28 negar um recurso da defesa do ex-presidente Lula para que emissoras de televisão incluíssem em suas coberturas jornalísticas o dia a dia da campanha presidencial do petista e sua coligação , intitulada “O Povo feliz de novo”.

Desde o dia 15 de agosto, o dia do registro da candidatura em Brasília, essa foi a primeira vez que o referido tribunal analisou uma questão levantada pela campanha de Lula.

O fato gravíssimo do candidato com mais intenções de votos nas pesquisas eleitorais para presidência da República estar encarcerado sem provas na masmorra da policia federal em Curitiba, faz dessa eleição a mais atípica de todos os tempos. Lula que tem como vice na chapa presidencial o ex- prefeito de São Paulo, Fernando Haddad deseja, além da tão almejada liberdade, que a imprensa noticie as caravanas por onde Haddad tem andado e feito campanha em nome de Lula.

O ministro Sérgio Banhos, relator do processo, comentou que “não existe agenda de campanha do candidato” e negou o pedido de defesa de Lula para garantir cobertura jornalística na televisão.
O único voto a favor do ex-presidente (6×1) foi do ministro Napoleão Nunes, que disse: “é uma discriminação o que a mídia está fazendo”.

O ministro Humberto Jacques destacou: “Não cabe ao Poder Judiciário decidir se algo é ou não é noticioso. No campo da liberdade, essas decisões tomadas pelos veículos de imprensa, essas escolhas feitas pelos veículos são julgadas pelo maior severo juiz: o público, a audiência, quem assiste àquele canal, quem segue aquele site, aquele blog. É sua majestade, o público, que decide quem é o melhor candidato e o veículo que ele segue”.

Este é o país do golpe, e o judiciário está decidido a manter Lula na prisão mesmo sem provas, faz parte do jogo articulado pelos sanguessugas da pátria. Resta esperar as cenas do próximo capítulo, pois somente o povo é que pode mudar o curso dessa história. Todos às ruas!!! Liberdade para Lula! Eleição sem Lula é fraude!