Urgente!
As forças armadas bolivianas estão dando apoio às manifestações golpistas da direita contra Evo Morales.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Williams-Kaliman-1280x720
Williams Kaliman. |

Da redação – Segundo informações da TeleSUR, as Forças Armadas pediram que o presidente da Bolívia, Evo Morales, renuncie ao cargo na tarde deste domingo (10). Morales foi reeleito ao posto nas últimas eleições no dia 20 de novembro e, desde então, tem sido ameaçado de golpe pela direita.

“Ante a escalada de conflito que afeta o país, visando a vida e a segurança da população, a garantia da Constituição, […] sugerimos ao presidente de Estado que renuncie seu mandato presidencial permitindo a pacificação e a manutenção da estabilidade pelo bem da nossa Bolívia”, declarou Williams Kaliman, chefe das Forças Armadas.

Morales já havia capitulado mais cedo, pedindo a realização de novas eleições, diante da política da direita de não reconhecer o resultado das urnas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas