Globo tenta desesperadamente ocultar a conspiração de Moro contra Lula
por-que-a-rede-globo-esta-tao-desesperada-desktop-2
Globo tenta desesperadamente ocultar a conspiração de Moro contra Lula
por-que-a-rede-globo-esta-tao-desesperada-desktop-2

A Rede Globo está num confronte direto com Glenn Greenwald e com a realidade. Ao estilo da escola Goebbels, estão subvertendo a verdade de maneira veemente para ver se conseguem confundir o cidadão brasileiro: diante todo esses escândalos, apresentam Moro com vítima.

A demora para emitir uma nota sobre os acontecimentos foi dada a dificuldade de conseguir encobrir tamanho escândalo. A Globo obviamente está envolvida até o pescoço nesse ninho de mafagafos, por isso está desesperada para salvar o navio de uma perda total. Desde de o início, a Globo tem sido o principal meio de comunicação da Lava-Jato, veio dela a matéria usada para incriminar Lula e também foi dado a ela os áudios ilegais de Lula e Dilma, concedidos pelo próprio juiz Moro.

Os ataques a Glenn e a tentativa de enfaixar os escândalos são pífios. A tentativa de sustentar essa operação podre começou quando divulgaram semana passada que o celular de Sérgio Moro havia sido hackeado. Logo após as matérias com os vazamentos, criou-se uma encenação para apontá-los como ilegais, mas ao contrário dos áudios  providos pelo juiz à Rede Globo, o Intercept não feriu nenhuma lei em divulgar os áudios que chegaram até o jornal.

Apontar a atual crise da Lava-Jata e do MP como uma conspiração contra Moro, é uma ação desesperada para salvar o “herói” nacional que eles se empenharam tanto em construir durante todo o processo do impeachment, da prisão de Lula e das eleições.

Deixar Moro cair sem defendê-lo seria correr o risco de ter que libertar Lula e anular as eleições.