Gleisi Hoffmann: deixar Lula preso é crime continuado

Gleisi no FÛrum Nacional Brasil Que o Povo Quer em SP; Lula cancela participaÁ¿o

Da redação – Em entrevista ao jornal Brasil 247, a presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann denunciou a operação Lava Jato como “associação criminosa” que conspirou para prender Lula, por conta da fraude da condenação do ex-presidente, comprovada pelo The Intercept, que divulgou trocas de mensagens entre o então juiz Sérgio Moro e o procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol.

Gleisi afirmou:

“Deixar Lula preso é crime continuado, por isso é o caso sim de se exigir a libertação imediata do presidente”

“As únicas provas dessa história são as evidências, flagradas nas conversas vazadas agora, de que os procuradores fariam o que fosse preciso, independentemente da lei e do devido processo legal, para apoiar  uma condenação, e de que para atingir este objetivo foram comandados pelo juiz, de maneira ilícita”