Gilberto Carvalho: só levante popular tira Lula da cadeia

gilberto

Da redação – O ex-Ministro-Chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República nos governos petistas, e também ex-assessor e conselheiro de Luiz Inácio Lula da Silva, Gilberto de Carvalho, cedeu entrevista ao sítio Brasil de Fato e afirmou que Lula só será liberto pelo povo nas ruas.

O paranaense foi um dos mais próximos ao ex-presidente e hoje está envolvido nas ações solidárias às mobilizações em torno da prisão do petista em Curitiba, desde o dia 7 de abril.

Algumas das afirmações importantes da entrevista foram:

“Eu acho que os tempos de crise são tempos de grande aprendizado, são pedagógicos. Houve um tempo em que, para deter o avanço dos movimentos sociais e sobretudo de políticas progressistas, de governos progressistas, foi necessário que o capitalismo usasse a farda. Foi assim em 64 e sempre casado com uma forte atuação ideológica da mídia.

[…]

Só há uma forma de tirá-lo da cadeia: um levante popular, uma mobilização muito forte, uma radicalização do processo, seja de que forma for, que faça com que eles sintam que está ameaçada a estabilidade do país, e aí, por uma razão de força maior, libertem o Lula. Por isso que nós estamos apostando num processo de mobilização muito forte, daqui até o dia 15 de agosto.

No dia 15 nós vamos à Brasília, e estamos convidando todo o povo brasileiro para que assuma esta tarefa: eu vou registrar Lula. E nós temos que colocar dezenas de milhares de pessoas lá, ao lado das outras mobilizações, da marcha que será feita pelos movimentos da Via Campesina, do dia 10, que esperamos que seja um dia de paralisação nacional, da greve de fome que começa agora no dia 31, na linha da radicalidade que nós queremos dar para essa luta. Só assim nós vamos tirar o Lula da cadeia.”