“Gestapo” virtual de Bolsonaro espionará redes sociais de pós-graduandos para dar bolsas apenas para coxinhas

velez

O governo Bolsonaro caminha a passos largos em direção ao estabelecimento de um regime fascista. O governo já nos primeiros dias lançou uma grande operação de perseguição política de tipo fascista a toda esquerda sob a alcunha de “despetização” do Estado. Na educação a investida é enorme.

O ministério da Educação da camarilha golpista e fascista liderada por Bolsonaro pretende estabelecer um critério “ideológico” para a concessão de bolsas de estudo no exterior, ou seja, uma vigilância ideológica que elimina a pluralidade posições, a liberdade de de pensamento e de manifestação. Está surgindo diante dos nosso olhos um Estado policial que persegue de todas as maneiras a oposição e dos que não compartilham da ideologia do governo.

O novo critério fascista foi noticiado pela jornal golpista O Globo, segundo o mesmo o governo está estudando o novo critério ideológico que será eliminatório. O governo golpista estuda também formas de estender este critério para bolsas já concedidas.

O fato é de extrema gravidade. Mostra que o governo Bolsonaro vai eliminar a esquerda da máquina estatal, do regime político e persegui-los em todos os locais e sob as mais diversas justificativas. É preciso levantar as massas populares, toda a esquerda contra governo fascista de Bolsonaro. Fora Bolsonaro, inimigo do povo brasileiro!