General que controla os Correios anuncia ataques na campanha salarial
general dos correios
General que controla os Correios anuncia ataques na campanha salarial
general dos correios

O General Juarez Aparecido de Paula Azevedo, que é o presidente golpista dos Correios, já mandou avisar os trabalhadores da ECT, através dos sindicalistas desse movimento, que a campanha salarial da categoria de 2019/2020 vai ser pautada pela retirada de vários direitos dos trabalhadores.

Segundo o general golpista, a orientação é suprimir qualquer direito dos trabalhadores dos Correios que esteja acima do que determina a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).

Por exemplo, os trabalhadores dos Correios além do salário das férias, também recebe 2/3 do seu salário como complemento salarial, direito garantido em acordo coletivo. O general quer pagar apenas o que é definido pela CLT, que é de apenas 1/3 do salário.

O general golpista está mostrando que seu discurso não vale uma pipoca queimada, pois assumiu a empresa dizendo que era contra a privatização, mas todas as suas ações são voltadas para cimentar o caminho dentro dos Correios para entregá-la aos tubarões do mercado postal.

Para pressionar os sindicalistas aderir a essas propostas, o general também prepara o pacote fascista contra a organização dos trabalhadores como, por exemplo, cortar o repasse das mensalidades sindicais nos contra-cheques dos trabalhadores e liberações sindicais.

Para impedir os ataques dos golpistas contra os trabalhadores nos Correios é preciso se mobilizar contra o golpe de Estado, levantando a palavra de ordem de Fora Bolsonaro e todos os golpistas, pela Liberdade de Lula, impedir a privatização da ECT.