Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Nacional/
|

Na última sexta-feira, 8, o ministro do Supremo Tribunal Federal e presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Fux, anunciou que o STF adotará uma postura ofensiva diante das chamadas “fakenews”, “removendo rapidamente notícias falsas que se espalharem pelo País e que forem abusivas”, segundo o G1.

Este pronunciamento veio após o TSE determinar a retirada de notícias apontadas como falsas pela pré-candidata à presidência Marina Silva (REDE).

Trata-se de mais um ataque à liberdade de expressão. Fux, na verdade, anunciou a censura nas eleições, removendo todas as notícias que não forem de serventia para a direita. Não é um combate às “fakenews”, mas uma seletividade para com elas.

A censura, como mostrou-se nos últimos períodos, será destinada à esquerda. É preciso, desde já, combater este ataque da direita golpista à liberdade de imprensa.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas