Segunda morte
Metroviários sofrem com o total descaso da empresa e do governo de São Paulo, do fascista João Doria. Precisam organizar a paralisação das atividades para salvarem suas vidas!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
4972531906_a77d6c1916_o (1)
Linha 1-Azul do Metrô teve uma funcionária da limpeza falecida pelo Covid-19. Foto: Bruno Soares |

Da redação – Nesse sábado (02), morreu uma funcionária terceirizada da limpeza da Linha 1-Azul do Metrô de São Paulo, após se contaminar pelo coronavírus.

Essa é a segunda vítima fatal do Covid-19 confirmada no Metrô da capital paulista. Um operador da Linha 3-Vermelha já havia morrido há cerca de um mês.

O sistema tem mais de dez casos confirmados e dezenas de funcionários estão afastados, suspeitos de terem contraído o vírus.

A supervisão, no entanto, não transmite corretamente as informações aos trabalhadores, que acabam não sabendo exatamente quantos estão doentes, onde os doentes trabalham e quais são as funções deles.

Os metroviários são uma das categorias que correm maior risco de contrair o vírus, devido à alta taxa de exposição a pessoas possivelmente infectadas, uma vez que, todos os dias, milhões de pessoas passam pelo Metrô de São Paulo.

Entretanto, estão pouco protegidos e sendo superexplorados. Por outro lado, o sindicato – como todos os sindicatos do País – está com as portas fechadas para os trabalhadores da categoria, e a CUT mantém-se paralisada, em vez de auxiliá-los.

Os metroviários precisam abrir uma ampla discussão nos setores, criar comitês de base e tudo o que for necessário para paralisar imediatamente o Metrô a fim de defender os trabalhadores e os usuários – que também são trabalhadores – e adotar as medidas que forem deliberadas pela categoria e pelas demais entidades dos trabalhadores e usuários do Metrô.

Pelo imediato fechamento das estações e aumento da frota, com limite de lotação que garanta a segurança de metroviários e usuários! Redução da jornada e contratação emergencial de mais funcionários!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas