Frigorífico BB dá calote nos salários dos trabalhadores

frigorifico bb - 09-01-2019

Localizado na Vila Leopoldina, zona oeste da capital de São Paulo, o frigorífico BB deixou de pagar o vale que era pago no dia 20 de cada mês, não está sendo repassado aos trabalhadores.

Esta não é a primeira vez que os donos do frigorífico dão o calote nos trabalhadores, no ano de 2018, os patrões já o fizeram por mais de duas vezes, os trabalhadores, no entanto, no dia do pagamento recebem os seus comprovantes de pagamento mensal descontados do vale, como se os operários tivessem recebido.

O último confisco dos salários ocorreu no mês de dezembro, conforme os trabalhadores informaram ao Sindicato dos trabalhadores nas Indústrias de Carne, Derivados e do Frio no Estado de São Paulo, contaram que no dia 20 de dezembro, deveriam receber tanto o décimo terceiro como o vale, porem só o 13º salário foi Pago, agora, no pagamento deste mês de janeiro, mais uma vez, apesar de não recebermos o vale, novamente veio o desconto. Nunca há uma explicação do porquê. O BB também não está depositando o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) dos trabalhadores.

Qualquer questionamento das irregularidades, os trabalhadores são tratados xingamentos e ameaças de demissão, não há nenhum diálogo.

Os patrões daqui só querem nos explorar, para eles somos qualquer coisa, menos seres humanos.

Queremos o restante dos nossos salários, temos despesas e, nossos salários, completos, já não dá, quanto mais faltando 40% dele.