Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Os trabalhadores do Frigorífico Barontini, localizado em São Caetano do Sul, região do grande ABC de São Paulo estão sem salários desde dezembro de 2017.

Os operários, apesar terem trabalhado até 19 de fevereiro deste ano, neste período sequer recebiam o transporte para irem até a fábrica, os que moravam próximo iam a pé, os demais davam um jeito. Os patrões irresponsáveis e exploradores dos seus funcionários abusaram da boa vontade dos trabalhadores fazendo com que trabalhassem sem receber e estes trabalhadores, literalmente foram obrigados a pagar para trabalhar.

Hoje, esses trabalhadores estão em uma situação de sequer ter comida em casa para das a seus filhos, nem dizer outras coisas, como por exemplo o aluguel. Uma boa parte dos operários está se valendo da solidariedade dos parentes e vizinhos, conforme relatou a este jornal um dos funcionários, que tem três filhos, sendo dois menores de 10 anos e um de 14 e mora distante do frigorifico. Desde aquele período até hoje, vem recorrendo aos seus parentes, mas não dá para viver assim por muito tempo, pois os que estão ajudando também têm os seus para cuidar.

No último dia 12 de março foi depositado um valor irrisório que não dá para nada, é um absurdo o que os patrões fizeram.

O trabalhador disse ainda, que os trabalhadores querem as verbas rescisórias ou voltar a trabalhar, uma vez que não foram formalmente demitidos (não foi dada a baixa na Carteira de trabalho).

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas