“Frente democrática”: Ciro Gomes ataca PT e diz que é preciso “virar a página do golpe” sem combater Bolsonaro

Brazilian Partido Democratico Trabalhista (PDT) presidential candidate Ciro Gomes talks at a worker's union forum in Sao Paulo

Da redação – Em vídeo divulgado em sua página do Facebook, Ciro Gomes, que desde o início foi denunciado como sendo instrumento fundamental da política dos golpistas, revelou mais uma vez a comprovação desta tese.

Gomes disse que o PT está estimulando o terror na sociedade inventado que a democracia estaria ameaçada por Bolsonaro. Segundo Ciro Gomes, o PT tem que parar de chamar todo mundo de golpista e “estimular Bolsonaro a jogar o jogo democrático”.

E segundo ele este plano só não daria muito certo pois seria necessário cercar o político fascista com as instituições, que foram “cooptadas pelo PT” e por isso estão fracas.

Ainda Ciro disse que era contra a política de combate dos movimentos sociais e que era preciso “virar a página [do golpe] e jogar o jogo da democracia”.

Ou seja, fica declarado aí por isso, e por várias outras declarações, que Ciro Gomes é um elemento dos golpistas. Participou das eleições para sabotar a campanha do PT e permitir que Bolsonaro fosse eleito.