Siga o DCO nas redes sociais

Internacionalismo
Fotos: argentinos marcham em Buenos Aires contra o golpe na Bolívia
Uma grande mobilização popular tomou conta das ruas de Buenos Aires para rechaçar o golpe na Bolívia
EJG9BShX0AEBvUF
Internacionalismo
Fotos: argentinos marcham em Buenos Aires contra o golpe na Bolívia
Uma grande mobilização popular tomou conta das ruas de Buenos Aires para rechaçar o golpe na Bolívia
Foto: Edgardo Esteban/Telesur
EJG9BShX0AEBvUF
Foto: Edgardo Esteban/Telesur

Da redação – Milhares de argentinos saíram a marchar nas ruas de Buenos Aires na tarde desta segunda-feira (11) em solidariedade ao povo boliviano e para denunciar o golpe militar dado ontem no país vizinho contra o presidente Evo Morales.

A marcha acontece na Avenida de Maio e tem direção para a embaixada da Bolívia na Argentina e a sede do Ministério de Relações Exteriores.

O governo do presidente coxinha Mauricio Macri (que perdeu as eleições e será substituído pelo opositor Alberto Fernández) não reconheceu o golpe na Bolívia como um golpe, o que abriu uma crise em sua base aliada. A União Cívica Radical condenou o golpe e cobrou dos macristas a mesma posição. Logicamente, Macri não fará nada a respeito, uma vez que seu governo fracassado é um dos pilares do golpismo, da direita e do imperialismo na América Latina.

Assim como os argentinos – vizinhos da Bolívia e que têm 350 mil bolivianos vivendo em seu território -, é preciso que a esquerda em toda a América Latina se mobilize para denunciar e combater o golpe contra Evo Morales. Hoje, às 17h30, haverá um ato na embaixada da Bolívia em Brasília convocado pelo movimento popular da capital, e nos próximos dias deverá haver outras manifestações pelo Brasil.