A saída é essa
O pedido de impeachment foi entregue, agora a luta deve ser levada às ruas, através dos Comitês de Luta.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
II Conferência Nacional Aberta dos Comitês de Luta. Foto, Arquivo DCO
Segunda Conferência Aberta dos Comitês de Luta, ocorrida em 2019. Foto: Diário Causa Operária. |

Na última sexta-feira, 21, foi entregue pelo PCO e outros seis partidos de esquerda (PT, Psol, PCdoB, PSTU, PCB e UP) um pedido de impeachment contra o presidente ilegítimo Jair Bolsonaro. Entre as razões apresentadas para esse pedido estão a sua tentativa de interferência na Polícia Federal e sua conduta durante a crise do coronavírus. 

Os motivos apresentados nem seriam necessários, já que é sabido que a eleição que o conduziu ao poder foi totalmente fraudulenta e fruto de um golpe de estado que começou com a derrubada da presidenta eleita Dilma Rousseff e teve continuação com a prisão farsesca de Lula. 

Por conta dessa fraude e desse expediente totalmente anti-democrático usado pela burguesia, o PCO já está na luta pelo Fora Bolsonaro desde o fim de 2018, logo que o resultado das eleições foi anunciado.

O momento atual, porém, é desfavorável para a mobilização popular. O receio da infecção pelo coronavírus e a campanha intensa por parte da direita tradicional e da esquerda pequeno-burguesa pela política do “fica em casa” são componentes que vêm atravancando a mobilização popular. 

Mesmo assim, não há outra forma de realmente conseguir derrubar o governo que não seja colocando o povo nas ruas. Apenas o pedido de impeachment no congresso não será suficiente, basta lembrar que o presidente da câmara, Rodrigo Maia, está sentado em diversos destes pedidos que não avançam. Deve-se organizar atos e atividades, levando em consideração todas as medidas de proteção contra a infecção, que botem a palavra de ordem “Fora Bolsonaro” nas ruas.

A melhor forma de fazer essa organização é continuando o trabalho de formação de Comitês de Luta, que começaram na época do impeachment de Dilma Rousseff. Os comitês devem abarcar pessoas de quaisquer organizações populares ou que militem de forma independente, interessadas na luta pelo Fora Bolsonaro e contra os golpistas de modo geral.

A política levada à frente pelos comitês deve ser a de planejar atividades práticas que façam agitação pela derrubada do governo golpista e ilegítimo. Algumas delas seriam a colagem de cartazes, a distribuição de panfletos, palestras etc. O jornal dos Comitês de Luta, que já tiveram 13 números tirados seriam parte desse material a ser distribuídos. Além dele, também serão produzidos cartazes, adesivos e outros materiais. 

O PCO se coloca à disposição de todas as pessoas que queiram ajuda para encontrar um Comitê em sua cidade ou para formar um novo Comitê, caso ele ainda não exista. Os interessados podem entrar em contato pelo número (11) 99747-0436.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas