Crise e desemprego
Multinacional encerrará a fabricação de veículos e deixará o país após 102 anos.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
FOrd Nordeste - 1
Com o fechamento espera-se a demissão de, ao menos, 3 mil trabalhadores | Foto por: reprodução.

A multinacional Ford Motor Company anunciou nesta segunda (11) que encerrará a fabricação de veículos nas fábricas da Ford Brasil ainda neste ano de 2021. As fábricas de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e da Troller (Horizonte, CE) serão fechadas, seguindo o mesmo destino das fábricas de São Bernardo do Campo, fechada em 2019 após 52 anos e a fábrica do ABC paulista, fechada e vendida em outubro de 2020.

A empresa informa que a produção de veículos será deslocada para as fábricas da Argentina e do Uruguai, mantendo no país a sede administrativa da empresa na América do Sul e o centro de desenvolvimento de produtos, localizados em São Paulo e o campo de provas em Camaçari (BA).

Ao todo deverão ser demitidos cerca de 3 mil trabalhadores diretos e indiretos nas três fábricas. Em 2019 a empresa já havia demitido cerca de 1.500 trabalhadores no fechamento da fábrica de São Bernardo, restando cerca de 1000 trabalhadores dos setores administrativos.

A direção da empresa alega prejuízos decorrentes da pandemia da COVID-19 no ano passado afirmando que esta “amplia a persistente capacidade ociosa da indústria e a redução das vendas, resultando em anos de perdas significativas”.

Porém, as alegações da empresa não batem com as demissões em massa desde 2019, pelo menos, além de não considerar os anos de grandes lucros e expansão das vendas, além dos crescentes benefícios fiscais e creditícios concedidos pelo Estado brasileiro.

O lucro é do “acionista” o prejuízo, dos trabalhadores. Foto: divulgação.
Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas