Violação territorial
Novamente um avião espião americano é interceptado em espaço aéreo russo, fazendo parte da sequencia de agressões e provocações dos EUA nos últimos dias.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
SU 27 - 1
Caça russo Su-27, que interceptou o avião da marinha estadunidense. | Foto por: divulgação

O Ministério da Defesa da Rússia informou nesta segunda (27) que um de seus caças (SU-27) interceptou um avião espião da marinha norte-americana sob espaço aéreo russo na região do mar negro.

O avião americano, um P-8A Poseidon é uma conhecida aeronave de espionagem dos EUA e já foi identificado realizando operações em várias partes do mundo recentemente. O incidente de violação do espaço aéreo russo é mais um de uma série ocorridos no último mês, somente na Rússia.

A ação que é classificada como, além de uma atividade ilegal, uma provocação que tem ocorrido sob espaço aéreo de diversos países que estão sendo alvo da política externa imperialista e violenta dos EUA, como as violações ao espaço aéreo e marítimos da China, da Venezuela, da própria Rússia e de outras áreas sob controvérsia e histórico de guerras e ações imperialistas como o Ártico, o oriente médio e o leste europeu, principalmente, nas regiões próximas à Rússia como Polônia e Ucrânia.

P8 A – Poseidon, Marinha-EUA.
Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas