Fora Bolsonaro: com mudança da embaixada para Jerusalém, Egito cancela encontro com ministro golpista

AloysioNunes-MariaAngelaHolgin-Itamaraty-Colombia-21fev2018-SergioLima.

Da redação – O ministro golpista das Relações Exteriores brasileiras, Aloysio Nunes Ferreira, que iria visitar o Egito, foi barrado antes mesmo de sair do Brasil, quando o governo em Cairo cancelou o compromisso por causa da decisão do presidente eleito pela fraude, Jair Bolsonaro (PSL), de transferir a embaixada brasileira em Israel para Jerusalém.

Eleito por uma fraude completa, Jair Bolsonaro (PSL) nem está no comando do país e já causa revoltas internas e externas contra suas posições de extrema-direita. Seguindo o presidente norte-americano, Donald Trump, fez uma alegação que coloca diversos países árabes, que, inclusive, tem diversas relações econômicas com o Brasil, contra a nova posição do inimigo dos trabalhadores brasileiros e dos palestinos.