Somos Democracia
Uol divulga documentário fazendo propaganda do movimento amarelo “pela democracia”, mostrando porque o “Somos Democracia” não queria as bandeiras vermelhas dos partidos
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Foto de uma manifestação, em Brasília (DF) | Foto: Reprodução

Neste sábado, dia 18, o Uol/Folha de S. Paulo apresentou um mini documentário chamado “Protesto Futebol Clube” sobre as recentes manifestações ocorridas em várias cidades do País, em especial São Paulo, com a participação de diversos torcedores contra os bolsonaristas.. Na reportagem sobre o vídeo, é dito que os protestos foram acompanhados por quatro semanas.

A primeira coisa que chama a atenção é novamente a presença da Folha de S. Paulo, ou seja, da imprensa golpista, como grande divulgadora dos atos. O vídeo é inclusive produzido pelo UOL, com grande destaque ao chamado “movimento Somos Democracia”. Esse fato vem comprovar o que havia ficado claro: a jogada casada do “Somos Democracia” com a Folha. Essa jogada já estava clara com a adoção da cor amarela nos atos ao mesmo tempo em que o jornal golpista anunciava que levaria a campanha pela democracia e que os movimentos que defendem a democracia tinham adotado o amarelo como cor.

O documentário aparece para sacramentar essa aliança. No vídeo, os líderes do “Somos Democracia”, principalmente o pré-candidato a vereador pelo PSOL, Danilo Pássaro, ganham destaque da Folha, que a todo o momento faz questão de destacar que o movimentos dos torcedores é “pela democracia”, ignorando que o surgimento das primeiras mobilizações tinha como objetivo colocar os bolsonaristas para correr da avenida Paulista.

Para a Folha, assim como para o “Somos Democracia”, o movimento era em defesa de uma democracia em abstrato, ou seja, da democracia da Folha de S. Paulo, do PSDB, daqueles que deram o golpe de Estado para retirar direitos dos trabalhadores e são os responsáveis pela eleição de Bolsonaro.

O mais interessante do documentário é que ele explica porque o esforço para impedir os partidos de esquerda de levarem suas bandeiras vermelhas. Era preciso destacar o amarelo “democrático” dos atos para que a imprensa golpista pudesse manipular as imagens como bem entendesse. No vídeo, embora não seja possível esconder totalmente as bandeiras vermelhas, inclusive as do PCO, está claro que o sentido da política da Folha é procurar atribuir ao movimento dos torcedores um conteúdo “apartidário”, abstratamente em “defesa da democracia”, ou seja, que sirva no final das contas, aos interesses eleitorais de Danilo Pássaro e aos interesses golpistas da Folha de S. Paulo.

A mesma imprensa golpista que há décadas dedica páginas e páginas e noticiários televisivos para caluniar, atacar e perseguir as torcidas organizadas, agora faz demagogia com os torcedores, desde que não apareçam defendendo nenhuma medida mais enérgica contra os bolsonaristas e mais ainda, desde que não apareçam ligados com a esquerda e a luta contra o golpe, mas servindo à política eleitoral da direita.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas