Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Para comprovar que o golpe de Estado no Brasil, que destituiu o governo do PT, foi realizado pela direita nacional em aliança com o imperialismo para satisfazer os interesses de grandes capitalistas, principalmente os banqueiros, o FMI declarou que mesmo que demore tem que fazer reforma da Previdência completa.

Em uma atitude de dono do governo golpista, o presidente do Fundo Monetário Internacional (FMI) mandou o governo golpista de Temer fazer a reforma previdenciária completa e não faça concessões.

Traduzindo: para o FMI, é necessário acabar com a previdência pública, dificultando a aposentadoria do trabalhador pela via pública, para que os bancos privados possam dominar ainda mais esse mercado, vendendo planos de previdência particular.

Os banqueiros também querem que os estados gastem menos ou quase zero em benefícios sociais para a população, como a previdência pública, para que sobrem mais dinheiro público para o parasitismo dos bancos sobre esses recursos.

A reforma da Previdência é um dos carros chefes do golpe de Estado no Brasil. A dificuldade que o governo Temer está encontrando para aprová-la no golpista Congresso nacional  vem colocando em xeque até mesmo a permanência de Michel Temer à frente do governo golpista.

Nesse sentido é necessário lutar contra a reforma da Previdência através da mobilização popular e da classe operária na luta contra o golpe de Estado, exigindo a anulação do impeachment.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas