(Vídeo) FIFA, Globo e imprensa internacional: impedir o Brasil de ganhar a Copa

neymar2

Da redação – Nas últimas três Análises Política Semanal, o companheiro Rui Costa Pimenta fez questão de explicar minuciosamente, diversas vezes, a questão da interferência direta do imperialismo sobre o futebol, através de suas diversas formas e esclarecer a posição operária, dos explorados sobre: futebol e política. Também rebateu a rede Globo que criticou nossas denúncias trazidas à tona, principalmente, provando toda a movimentação de calúnia da burguesia sobre o craque Neymar, bem como seus interesses e ações contra os países explorados em geral, é claro, chamado de “teoria da conspiração” pela emissora servil.

Algo muito importante está acontecendo em meio à Copa do Mundo da Rússia. Está latente, de uma forma que não se pode mais ser escondido pela burguesia, a luta de classes e os interesses dos golpistas e da população trabalhadora.

Aconteceram situações diversas, tais como: assaltos escancarados do VAR (Video Assistant Referee) contra os países explorados; racismo da torcida de países europeus contra jogadores diversos, multas contra torcidas que se expressaram politicamente; técnico do Uruguai fazendo reivindicações de educação de qualidade para seu país; técnico negro colocando o problema de ser o único técnico negro na Copa, mas, principalmente, a caça aberta da imprensa burguesa brasileira e internacional contra o Brasil e o melhor craque do mundo, Neymar.

Aberta a temporada de “caça ao Neymar”

O debate, feito sobre o ponto de vista marxista, trás a polêmica de um suposto fator “alienante” do esporte, pela ideologia, atacando os trabalhadores como se fossem “massa de manobra” e não ligassem para nada, apenas futebol. O ataque contra o povo vem forte na ofensiva atual contra o principal craque do Brasil, contra a torcida, feita abertamente pela imprensa brasileira em suas matérias.

Ontem mesmo, 01, os jornais da emissora golpista fizeram matérias mostrando a “eficácia” do ataque francês e seu atacante, Kylian Mbappé, onde, segundo os servos do imperialismo, o francês foi para a copa – demonstrou futebol – e Neymar “não apareceu”. Ficou de lado os números do tanto que o atacante brasileiro tem sido perseguido, apanhando mais do que lutador de MMA. Sobre a Alemanha, anteriormente à sua eliminação, a imprensa burguesa do Brasil parecia ser alemã e defendeu todos os países da Europa para não colocar peso na sua própria seleção. Uma situação de capachismo ao imperialismo que o Partido da Causa Operária faz questão de denunciar e explicar aos trabalhadores.

O juiz viu o pisão em Neymar com a bola parada, mas, segue o jogo

“E até uma coisa absurda que o cidadão, articulista da Globo, escreveu que é uma ‘teoria da conspiração. É muito claro desde o início da copa que, por parte da FIFA  e da imprensa internacional, há um esforço muito grande para impedir o Brasil de ganhar a Copa.”

Veja o trecho e se inscreva no Canal Causa Operária TV:

Análise Política da Semana completa: