Ditadura do TSE: Lula pode aparecer em propaganda, mas só depois das eleições

++O ministro golpista, Luís Barroso, afirmou cinicamente, que Lula, apesar de ter sido barrado como candidato, não perdeu seus direitos políticos com a condenação ilegal de segunda instância

 

Casos de febre amarela crescem 421%: imprensa golpista culpa o povo

++Essa é a política da direita golpista, culpada pela tragédia da Samarco, que a imprensa golpista abafou, a justiça não vai julgar, e que, explicado por especialistas da área, foi responsável pela explosão da doença

 

Capacho do imperialismo, Mourão chama países explorados de “mulambada”

++Derrubada pelo golpe, essa política vem sendo atacada por entreguistas como é o general Mourão, que defende abertamente a privatização irrestrita dos bens nacionais

 

Entrevista contra o golpe às 11h: candidato do PCO ao governo de MG na rádio CBN

++O companheiro realiza atividades semanais de panfletagem junto à população de Belo Horizonte

 

Roubo do petróleo brasileiro: petrolífera ExxonMobil animada com as mudanças regulatórias dos golpistas

++A multinacional adquiriu um dos mais importantes blocos geológicos da Bacia de Campos, que antes estava livre do regime de partilha

 

Alckmin no 2º turno? FHC quer “aliança” PT-PSDB para derrotar Bolsonaro

++Jair Bolsonaro tem sido usado como “espantalho” para justificar atitudes absurdas como um possível apoio da esquerda a Alckmin

 

 

Serra comemora entrega do petróleo brasileiro a seus patrões imperialistas

++Segundo dados vazados pelo Wikileaks, as empresas norte-americanas acompanharam de perto todo o processo de formação das leis nacionais relativas ao usufruto do pré-sal

 

TSE, um dos agentes da fraude eleitoral, está desesperado para esconder que há fraude eleitoral

++As urnas são um detalhe da fraude, que envolve uma série de mecanismos para beneficiar a direita golpista

 

Polícia Federal vai controlar e vigiar todos os passos dos candidatos à Presidência

++A operação de espionagem montada pelo Ministério da Segurança Pública é mais um elemento que sustenta  a fraude que são as eleições sob o regime de exceção criado após o Golpe de Estado

 

Send this to a friend