Fora Bolsonaro nas ruas!
Os inimigos dos trabalhadores fizeram uma fogueira e queimaram parte da porta da sede, como os fascistas italianos e alemães fizeram na década de 20 e 30
pt
Foto da porta queimada | Foto: PT Goiânia

Na noite da última quarta-feira (1), a Sede do PT de Goiânia foi atacada por fascistas, tendo a sua fachada queimada. O ataque foi denunciado pelo  companheiro Leonardo Silva, do PT Goiânia. Os inimigos dos trabalhadores fizeram uma fogueira e queimaram parte da porta da sede, como os fascistas italianos e alemães fizeram na década de 20 e 30.

“Sede do PT Goiânia atacada por fascistas…É por isso que o esmagamento aos fascistas tem que vir das forças populares. O aparato repressor do regime golpista não combaterá o fascismo, não fará mais que colocar os seus cães no canil!!”, denunciou o companheiro.

A situação da luta de classes no Brasil está se acirrando cada vez mais, estando à beira de uma explosão, como reflexo da crise econômica do regime golpista de 2016, agravada pela pandemia do coronavírus, com mais de 60.000 mil mortos, quase 2 milhões de infectados e desemprego chegando em torno de 13 milhões de pessoas.

A notícia divulgada do blog Tendência Marxista-Leninista, traz uma importante conclusão dos companheiros do PT:  “passou da hora dos trabalhadores formarem comitês de autodefesa operárias e populares, a partir dos sindicatos, para impedirem ataques como o ocorrido ao PT de Goiânia, com o qual a TML manifesta total solidariedade aos companheiros”.

As lideranças da esquerda precisam convocar todos os setores dos trabalhadores para tomarem as ruas e expulsarem aos bandos fascistas. Os sindicatos precisam reabrir e a CUT deve mobilizar urgentemente pela derrubada do governo fascista nas ruas!

Relacionadas