Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Sem nenhuma justificativa plausível, a Força Nacional de Segurança Pública realizou uma “reintegração” de posse de uma escola do Assentamento Rosa do Prado, no município de Prado, Extremo Sul da Bahia a pedido do superintendente bolsonarista do INCRA e do secretário de assuntos fundiários, o pistoleiro Antônio Nabhan Garcia.

A reintegração de posse cinematográfica foi uma enorme fraude para fazer propaganda do governo Bolsonaro e tentar mostrar que as famílias apoiam as medidas dos bolsonaristas dentro do assentamento e do capacho dos latifundiários Liva, que está enganando e extorquindo as famílias do assentamento com promessas falsas de titulação dessas terras.

A ação foi de envergonhar qualquer pessoa, pois foi baseada em um curso realizado na escola do assentamento Rosa do Prado pelos próprios assentados da região. O fato que deixa a ação ainda mais ridícula é que o curso acabou em fevereiro de 2020, ou seja, há sete meses. Uma farsa vergonhosa.

Isso ocorreu porque os planos dos bolsonaristas esbarrou no repúdio das famílias a Bolsonaro, Nabhan e seus capachos na região, mas também porque as acusações realizadas contra os assentamentos são completamente absurdas em que as forças policiais têm dificuldade em encontrar maneiras de invadir os assentamentos.

Devido a isso, a única maneira de colocar a Força Nacional dentro do assentamento Rosa do Prado na tentativa de fazer alguma propaganda da ação com a extrema direita e os latifundiários era se basear nesse pedido ridículo de reintegração de posse em fevereiro. Uma farsa total e completa.

Nabhan, que se encontra na região para comandar organizar grandes manifestações em toda a região para exigir a saída das tropas federais e do pistoleiro Nabhan, realizando trancamento de rodovias, novas ocupações de terra e manifestações em Prado.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas