Sinepe-PE
Manifestação organizada por sindicato patronal aconteceu na manhã desta quinta-feira (3)
ato sinepe
Manifestação do Sinepe-PE, 03/09/2020 | Foto: Mariana Fabrício / DP
ato sinepe
Manifestação do Sinepe-PE, 03/09/2020 | Foto: Mariana Fabrício / DP

Na manhã desta quinta-feira (3), o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de Pernambuco (Sinepe-PE), organização patronal que reúne os mafiosos que controlam as escolas privadas no estado, organizou uma manifestação pela volta às aulas em Pernambuco. A manifestação reuniu uns poucos manifestantes pagos e se deu na Praça da República, onde fica a residência oficial do governador.

Semanas antes do ato, o Sinepe-PE já havia colocado propagandas de outdoor defendendo a volta às aulas. Em algumas delas, apareciam fotos de crianças, manipuladas para os fins criminosos dos patrões. No dia de ontem (2), um representante do “sindicato” veio a público dizer que Pernambuco não teria autorizado a volta às aulas por não “se importar com a Educação”.

Não há margem para qualquer dúvida do teor desse tipo de manifestação. A volta às aulas representaria um aumento extraordinário no número de mortos e doentes pela pandemia. Tudo isso apenas para que meia dúzia de capitalistas se beneficiem.

Diante disso, é preciso intensificar a campanha pela estatização das escolas privadas e contra a volta às aulas enquanto não houver testes e vacina. Ao mesmo tempo, é preciso que os estudantes, professores e a esquerda baixem a crista da extrema-direita que está se levantando através das recentes mobilizações pela volta às aulas e contra o direito ao aborto. Com fascismo, não há diálogo. É preciso responder à altura.

Relacionadas
Send this to a friend