Exportação de golpe: ex-ministro francês é cogitado para intervir nas eleições catalãs

Manuel-Valls

Da redação – O antigo primeiro-ministro da França, Manuel Valls, o “homem das reformas” que colocaram o país em uma profunda crise política, que acabou levando a extrema direita ao poder, é um dos possíveis candidatos ao cargo de prefeito de Barcelona, capital da Catalunha, pelo partido de direita Ciudadanos. Em uma postagem em seu Twitter, Valls tira uma foto de seus pés, com uma legenda escrito “Barcelona…” O antigo primeiro-ministro francês é natural da Catalunha e está querendo levar adiante sua candidatura para alcalde (prefeito em espanhol).

O candidato é ótimo para o imperialismo europeu. Diante da crise gerada em torno da independência da Catalunha nos últimos anos, em que inclusive as lideranças separatistas foram presas e o governo espanhol colocou a polícia para reprimir os manifestantes, um homem como Valls, profundamente alinhado com a política do capital financeiro e seu plano de ajustes fiscais contra a população, concorrendo para a prefeitura da cidade mais importante da região, é tudo o que a direita gostaria para contrapor a política dos separatistas. É importante que seja um espanhol-francês, pois parte da Catalunha está dentro da França, e portanto, a separação da região pode afetar também o país francófono.

A notícia foi dada pelo jornal francês Le Figaro e reproduzida em outros jornais europeus. Segundo eles, Valls irá fazer um discurso amanhã, na terça-feira (25/09) onde irá confirmar sua candidatura ou não para as eleições que irão ocorrer em Maio do ano que vem. Já foi criado, entretanto, um endereço de e-mail com o nome de “Valls 2019”, o que indica que trata-se apenas de concretizar a candidatura.