A serviço do imperialismo
Exército realizou um mega treinamento entre 08 e 22 de setembro simulando uma invasão por um país estrangeiro. Treinamento ocorreu durante a visita de Mike Pompeo.

Por: Redação do Diário Causa Operária

Exército realizou um mega treinamento entre 08 e 22 de setembro simulando uma invasão por um país estrangeiro. Treinamento ocorreu durante a visita de Mike Pompeo.

Segundo dados publicados pela Lei de Acesso à Informação, divulgadas pelo jornal golpista O Globo, o Exército Brasileiro realizou um treinamento de grandes proporções que durou 15 dias e envolveu 3.600 soldados ao custo de 6 milhões de reais, declarados como gasto de combustível, horas de voo e transporte.

O treinamento, uma simulação de uma guerra entre dois países, aconteceu entre as cidades de Manacapuru, Moura e Novo Airão no Amazonas, e ocorreu exatamente durante a “visita” do secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, que esteve em Boa Vista (RR) e na fronteira com a Venezuela, mostrando uma clara provocação e hostilidade ao país vizinho.

O gasto financeiro considerável com um treinamento de grandes proporções na região mostra que a submissão do governo Bolsonaro à política externa do governo Trump e empurra o país em direção a um conflito que não faz nenhum sentido para os brasileiros, pois a Venezuela não tem nenhum histórico de agressão ao Brasil.

Send this to a friend