HAMBURGUER_1
SHARE

Adiamento

Ex-presidente do Senado na Bolívia denuncia novo golpe eleitoral

Adriana Salvatierra era a terceira na linha de sucessão de Evo Morales

Tempo de Leitura: < 1

Adriana Salvatierra – Foto: Reprodução

Publicidade

A senadora boliviana Adriana Salvatierra era a presidente do Senado quando houve o golpe militar contra Evo Morales. Na ocasião, ela foi forçada a renunciar em meio à escalada golpista. Na última semana, Salvatierra denunciou o novo golpe em curso na Bolívia, que consiste no adiamento das eleições.

Segundo Adriana Salvatierra, o adiamento das eleições é “ilegal e arbitrário”.

A ex-presidente do Senado também disparou uma série de ataques contra o governo golpista de Jeanine Añez:

“Terrível, é uma péssima gestão sanitária e cheia de casos de corrupção, como se pôde ver com a compra irregular de respiradores”.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Send this to a friend