Mais pressão econômica
O governo dos EUA impôs sanções contra seis entidades e quatro embarcações por seu suposto envolvimento no transporte de carvão norte-coreano.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
20201002014347
Departamento do Tesoudo dos Estados Unidos, Washington, DC | Reprodução

Nesta terça-feira, 8, o Escritório de Controle de Ativos Estrangeiros (OFAC) do Departamento do Tesouro dos EUA anunciou novas sanções contra a Coreia do Norte. Dessa forma, o governo dos EUA impôs sanções contra seis entidades e quatro embarcações por seu suposto envolvimento no transporte de carvão norte-coreano.

Sob a acusação de “financiar seus programas de armas de destruição em massa”, os ianques avançaram em mais uma medida de tortura econômica e política contra um dos regimes que não se dobram ao seu domínio. Diante disso, os EUA buscam, por meio das sanções, destruir a economia do país asiático, utilizando a justificativa da exportação de carvão e da violação da Resolução 2371 das Nações Unidas contra o país, o que reduz as divisas de Pyongyang em pelo menos 800 milhões de dólares por ano.

Constam nas sanções, as empresas Weihai Huijiang Trade Ltd, Always Smooth Ltd, Good Siblings Ltd, Korea Daizin Trading Corporation, Silver Bridge Shipping Co-HKG e Thinh Cuong Co Ltd. Enquanto as quatro embarcações sancionadas são: Calm Bridge, Asia Bridge, Lucky Star e Star 18.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas