Estado genocida de Israel mata 62 palestinos e fere milhares

ssss

Israel protagonizou na última segunda-feira (14) o maior massacre de palestinos em um único dia dos últimos anos. A data, em que se comemorava o aniversário de 70 anos de fundação do Estado israelense, foi marcada por grandes protestos de palestinos contra a criminosa transferência da embaixada dos Estados Unidos de Tel Aviv para Jerusalém (ocorrida no mesmo dia), movimento amplamente condenado por grande parte da comunidade internacional. A repressão israelense matou 62 palestinos e deixou mais de 2700 feridos. Expressão de uma política racista e genocida contra os árabes palestinos.